Todas as empresas estão em umas encruzilhadas tremenda, estão atrás de pessoas para que os trabalhos diários sejam realizados todos os dias dentro de suas organizações.

E impressionante como o foco de contratações em todos os lugares são o que a pessoa sabe ou tem de experiencia, nunca e considerado o nível de entendimento que ela tem de si mesmo relacionado a competência que ela acredita que tem e que pode desenvolver dentro de seu novo ambiente de trabalho.

Então o que existe dentro de uma pessoa que vale a pena lembrar e que na vida das pessoas existem uma restrição automática que e a rejeição que as pessoas tem a todos devido não estar preenchendo um devido quesito de competência, como se competência fosse escrito em um papel ou em um e-mail. Imagine como seria complexo expressar o que realmente você sentiu em estar naquela empresa através de palavras.

Dentro de qualquer empresa que queira ter uma pessoa que realmente desenvolva uma produtividade extraordinária e preciso estar conectado dentro do nível de interesse que a pessoa desenvolve a partir do querer que ela desenvolve quando pleiteia um determinado cargo. Já vi empresas demitirem colaboradores por incompetência e comportamentos depois de um rigoroso sistema de seleção. Já vi empresas terem êxitos excelentes com pessoas simples que sabiam fazer e interessados completamente em fazer o seu cargo ser meio para que a empresa cresça.

Então digo a você que quando você contrata alguém, você precisa identificar em primeiro, o grau de interesse que o candidato tem em crescer e evoluir na vida particular consequentemente vai ser simples pra esta pessoa se comprometer com a empresa pois ela entendera que o meio de seu crescimento está naquela empresa.

Resumindo, você deve olhar para o coração do seu colaborador antes de olhar para um currículo bem elaborado cheio de efeitos e de formação, pois isso não define quem a pessoa é em seu interior. Em matérias posteriores estaremos continuando e aprofundando ainda mais.

Sucesso a todos.

Deixe uma resposta